sexta-feira, 18 de maio de 2012

GRCSES VAI-VAI (SÃO PAULO/SP)

http://ritmocarioca.blogspot.com.br/

VAI-VAI falará de vinhos no carnaval enaltecendo os produtores brasileiros


Vinhos do Brasil será tema da Vai-Vai em 2013

O vinho brasileiro vai dar samba em São Paulo. A mais tradicional escola de samba paulista, a Vai-Vai, buscará o seu 15º título em 2013 com um samba-enredo sobre os “Vinhos do Brasil”. O tema da escola foi revelado nesta quarta-feira (9), em São Paulo, pelo presidente Darly Silva (Neguitão), que confirmou a parceria com o Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin). O lançamento ocorreu na Apas 2012, no Pavilhão do Anhembi (Expo Center Norte), com a presença do presidente do Conselho Deliberativo do Ibravin, Alceu Dalle Molle, e do gerente de MarketingDiegoBertolini. O anúncio agitou o estande Vinhos do Brasil na 28ª edição do Congresso e Feira de Negócios em Supermercados, com um breve show de parte da bateria e das passistas da escola, o que atraiu uma multidão ao local e parou o pavilhão verde do Expo Center Norte. “A Vai-Vai tem tudo a ver com o vinho brasileiro, pela sua alegria, competência e pela tradição italiana da comunidade do Bexiga”, disse Dalla Molle. “É com muito orgulho que vamos contar a história e a evolução dos Vinhos do Brasil, buscando mais um campeonato para a Vai-Vai”, disse Neguitão. “É um tema campeão”, arrematou o vice-presidente da Vai-Vai Renato Maluf.
Com o tema sobre os “Vinhos do Brasil”, a escola de samba Estado Maior da Restinga conquistou este ano o bicampeonato do Carnaval de Porto Alegre. Foi o início do Projeto Carnaval do Ibravin, que tem o objetivo de democratizar o consumo do vinho no Brasil, alcançando novos consumidores. “A estratégia prevê a presença em espaços amplamente associados à cerveja”, explica Bertolini. O planejamento contempla a intenção de ter os “Vinhos do Brasil” como tema de samba-enredo de uma escola carioca, em 2014, ano da Copa do Mundo no Brasil. “Estamos em adiantadas negociações com duas grandes escolas no Rio de Janeiro”, adianta Bertolini.
No lançamento do tema enredo da Vai-Vai, o presidente do Ibravin disse que a democratização do consumo de vinho no Brasil ganhará impulso pela grandefesta popular que é o Carnaval, especialmente em São Paulo, que atrai a atenção do Brasil e do mundo. “É a união de duas histórias muito bonitas, a produção de vinho e o Carnaval, para realizarmos uma grande festa genuinamente brasileira”, salientou Dalla Molle. “Esta é uma ferramenta de divulgação da cultura do vinho, em especial os elaborados pelos produtores brasileiros, fundamental para conquistarmos mais consumidores”, falou o presidente do Ibravin. “O Carnaval é uma grande festa popular, que pode nos ajudar a ter uma mudança de atitude, ou seja, o consumo de vinhos e espumantes, além do suco de uva, em ocasiões inusitadas”, explicou.
Em Porto Alegre, nove vinícolas – Aurora, Canção, Cooperativa São João, Dunamis, Famiglia Valduga (Domno e Casa Valduga) Fante, Miolo Wine Group, Perini e Salton – apoiaram o Ibravin fornecendo vinhos e espumantes para a ação na avenida. “Foi um ensaio vitorioso para levarmos os Vinhos do Brasil para o Carnaval do centro do país”, comentou Bertolini.
O termo de compromisso assinado entre o Ibravin e a Vai-Vai estabelece que o patrocínio à escola virá de parceiros do setor, através da Lei Rouanet. O Ibravin terá um camarote “Vinhos do Brasil” na avenida para receber convidados e ainda negociará com a Liga das Escolas de Samba a venda de espumantes em taça nas arquibancadas a preços populares. 
Novidades

Uma feliz coincidência marca a união da Vai-Vai com o Ibravin. O puxador do samba da escola paulista, Wander Pires, foi quem entoou o enredo campeão da Restinga este ano, em Porto Alegre, intitulado “Da mitologia à realidade, a Tinga de Taça na Mão! Vinhos do Brasil, sinônimo de qualidade, saúde, prazer e prosperidade!”. A estreia de Wander Pires no pavilhão alvinegro ocorreu em 2011, ao defender o samba do enredo "A Música Venceu", que trouxe a 14ª estrela à Vai-Vai.
Neguitão aproveitou para anunciar a contratação do conhecido artista plástico carioca Cahê Rodrigues, que, pela primeira vez, atuará em São Paulo como carnavalesco. “Estou muito feliz com o convite. Vai ser um enorme prazer desenvolver o meu primeiro enredo na Vai-Vai sobre os vinhos brasileiros. Será uma honra”, comentou Cahê Rodrigues, 35 anos, um dos mais jovens carnavalescos da atualidade. Ele iniciou sua carreira como assistente do lendário Joãozinho Trinta em 1989. Com 15 anos de carreira, o carnavalesco coleciona trabalhos em diversas escolas de samba do Rio Janeiro, dentre elas Unidos do Porto da Pedra, Acadêmicos de Santa Cruz, Caprichosos de Pilares, Portela e Acadêmicos do Grande Rio. Cahê Rodrigues ficou conhecido como responsável pela organização artística e produção dos shows que antecederam a abertura oficial dos Jogos Pan-Americanos 2007 realizados no Rio de Janeiro.
Fonte e Fotos: Ibravin

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário